ConturbCast Extra – Fernando Meligeni. Entrevista Completa

ConturbCast Extra – Fernando Meligeni. Entrevista Completa

Crédito: Conteúdo Urbano

Voz da experiência

Neste final de semana, termina um dos quatro torneios de Grand Slam do ano: o US Open. Tanto na final masculina quanto na feminina, teremos experiência versus juventude. O espanhol Rafael Nadal, 33 anos, vai enfrentar o russo de 23 anos, Daniil Medvedev e a americana Serena Williams, 37 anos, jogará contra a jovem canadense, Bianca Andreescu, de 19 anos.

Para você entrar no clima dessas duas grandes finais, esta semana, trouxemos a entrevista completa, com mais de uma hora de duração, do ex-atleta de tênis Fernando Meligeni. Além de contar sobre sua vida dentro e fora das quadras, Fininho fala, com propriedade, sobre grandes jogadores, talentos que estão surgindo e o mundo do tênis. Vale à pena parar tudo para ouvir este podcast. Está imperdível!

 

Crédito: Conteúdo Urbano

Descubra, neste bate-papo, como o Fernando Meligeni pode inspirar você. Sim. O ConturbTrends foi buscar as experiências do Fininho para tentar dar uma chacoalhada na sua vida e te animar para as finais de mais um Grand Slam.

A hora certa de parar

Primeiramente, vamos esclarecer que admitir o final de um ciclo é um ato de coragem. Principalmente quando se trata de uma carreira de sucesso. Com Fininho foi assim. Mesmo ele não querendo parar de jogar tênis, decidiu que o melhor era terminar ali.

Talvez tenha sido prematuro? Não se sabe. O fato é que, em 2003 Meligeni deixou as quadras sem saber o que faria no dia seguinte. Isso mesmo. Ele não tinha um plano. Como assim? Pois é. Os primeiros dias, sem a rotina de treinos, foram bem estranhos. Principalmente para ele, que sempre foi uma pessoa agitada, dinâmica.

Começar de novo

Você pensa que ele desanimou? Claro que não! Nesse período, Fininho começou a colocar no papel toda a sua experiência no circuito mundial de tênis. Surpreendentemente, daquelas 120 páginas de word saíram seu primeiro livro: “Aqui tem! Vitórias e Memórias de Fernando Meligeni.

Ao mesmo tempo, o ex-atleta recebeu propostas para montar um bar, um restaurante, entre outras coisas. Embora ele estivesse aberto para novos projetos, algo dizia que não era ali que teria realização.

Se animou? Então, vai lá ouvir o cara! Ele tem tanta história para inspirar você. E nem pense que, por ser um atleta reconhecido mundialmente, Meligeni teve facilidades para encontrar seu caminho fora das quadras. A batalha dele estava só começando.

Por que não jogar além das quadras?

Um dos maiores ensinamentos que o fotógrafo Oswaldo Meligeni deixou para o filho, Fernando, foi a generosidade, sobretudo na prática e não só no papo. Isso mesmo. Falar é muito fácil, mas agir… é outra história.

Como Fininho sempre levou muito a sério os conselhos de seu pai, entendeu, de uma vez por todas, que ele não deveria abandonar o tênis. Ele só deixaria de figurar nas quadras.

De lá para cá, as coisas começaram, de fato, a acontecer para Fernando. Ele escreveu mais dois livros, criou um blog, um aplicativo, tem uma quadra de treinamento. Apesar de tudo isso, o que dá mais satisfação ao ex-atleta é o projeto Bate-bola, onde ele orienta futuros tenistas, técnicos e familiares com a experiência de quem foi 25º do ranking da ATP. Em outras palavras, a generosidade que o Sr. Oswaldo plantou no filho é convertida em aprendizado para muitos jovens.

E o que isso tem a ver com você?

Tudo! Não fique aí achando que a vida de atleta e de ex-atleta facilitou a segunda etapa da vida de Meligeni. Ele trava inúmeras batalhas diariamente, como todos nós. O que muda é o olhar sobre as coisas.

Se você ouvir esse ConturbCast, vai entender que um atleta e um empreendedor têm os mesmos desafios, as mesmas angústias e as mesmas responsabilidades. Ou seja, você não está sozinho. Além disso, vai perceber que escolhas erradas fazem da vida. Elas vão acontecer, pois tomamos decisões importantes o tempo todo. O segredo, do ponto de vista de Meligeni, é pensar em soluções e agir rápido. Não dá para ficar se culpando a cada passo mal dado.

Então, o que você está esperando? Ouça já a história de um cara que não tem medo de contar suas experiências malsucedidas nas redes sociais, onde a vida é perfeita.

Quer saber mais?

@conturbtrends
@meligeni
www.linkedin.com/fernandomeligeni

 

 

O que você achou da nossa conversa com Fininho?

Conta para a gente nos comentários abaixo.

 

COMENTÁRIOS

WORDPRESS: 0
DISQUS: 0